Rolex e
o Open2019

O Royal Portrush Golf Club, com raízes que remontam a 1888, é palco para campeonatos nacionais e internacionais há mais de 100 anos. O seu campo Dunluce Links, sede da 148ª edição do Open, é conhecido por ser um dos percursos mais difíceis e mais espetaculares do mundo. Ao lado do Oceano Atlântico, no litoral norte da Irlanda do Norte, o campo se situa próximo às ruínas de um castelo do século XV, de onde deriva seu nome. Foi o primeiro clube da Irlanda do Norte a organizar um Open, em 1951.

Rolex and The Open

Rolex e o golfe

Francesco Molinari
– o primeiro italiano
a ganhar um Major

Francesco Molinari
O Embaixador Rolex Francesco Molinari entrou para a história do Open em 2018, tornando-se o primeiro italiano a ganhar um Major. Em 2018, sua vitória em Carnoustie encerrou um ano espetacular, quando também venceu o BMW PGA Championship em Wentworth, teve seu primeiro êxito no PGA TOUR®, e se tornou o primeiro europeu a vencer os cinco jogos, ao ajudar seu time a derrotar os Estados Unidos na Ryder Cup.

Sua boa fase continuou em 2019, quando venceu o Arnold Palmer Invitational, organizado pela Mastercard, e ficou duas vezes entre os cinco melhores colocados, incluindo um empate em quinto lugar no Masters.

Brooks Koepka
Brooks Koepka despontou como uma das maiores potências no mundo do golfe, tendo alcançado o primeiro lugar no ranking mundial e vencido quatro Majors desde 2017. Ao vencer o PGA Championship em 2019, o americano musculoso se tornou o primeiro jogador de golfe a defender com sucesso dois títulos Major, além de conquistar duas vitórias consecutivas no U.S. Open, em 2017 e 2018.

No Open de 2017, empatou em sexto lugar. O percurso de Koepka para alcançar a excelência no golfe foi inovador. Após uma excelente carreira universitária, decidiu aperfeiçoar sua técnica na Europa, ganhando quatro títulos antes de se juntar à elite do PGA TOUR®.

Haotong Li
Haotong Li tem ótimas recordações do Open. Em 2017, em sua primeira aparição em Royal Birkdale, torneio em que Jordan Spieth foi o vencedor, Haotong Li terminou em terceiro, após uma impressionante rodada final de 63 pontos, que teve sete birdies nos últimos 11 buracos.

Ele ficou a uma tacada de igualar o recorde do menor total em uma rodada simples em um Major, de longe o melhor desempenho de um jogador chinês. Este feito extraordinário ocorreu apenas um mês após sua primeira exibição em um Major, no U.S. Open 2017.

Phil Mickelson
A vitória de Phil Mickelson no Open de 2013, em Muirfield, marcou o ponto alto de uma brilhante carreira no golfe. “É uma grande realização para mim fazer parte da história deste torneio e vencer o evento que foi meu maior desafio”, declarou o norte-americano após a sua vitória.

Mickelson, o golfista canhoto de maior sucesso da história do golfe, detém cinco Majors e possui um jogo curto incomparável, ideal para campos de golfe de estilo links, com percurso e condições climáticas que exigem inovação e sutileza.

Tom Watson
Tom Watson é um dos jogadores de golfe de maior sucesso da história do Open, ele conquistou o Claret Jug cinco vezes entre 1975 e 1983– um feito incomparável. Com oito Majors e 39 vitórias no PGA TOUR®, seis vezes Jogador do Ano da PGA TOUR® e n° 1 mundial de 1978 a 1982, é considerado uma lenda do golfe.

O norte-americano é um dos jogadores profissionais com a carreira mais longa da história, tendo vencido o PGA Championship Senior 2011 aos 61 anos, tornando-se o vencedor de Major mais idoso no Senior Tour, desde sua criação em 1980.

Tiger Woods

Tiger Woods é um golfista de sucesso de sua geração que transformou o jogo e inspirou milhões de jogadores pelo mundo afora. Seus 15 Majors, atrás apenas de Jack Nicklaus (18), incluem três títulos Open, o primeiro dos quais ele ganhou em 2000 em St Andrews, com um recorde de 19 abaixo do par. Woods ergueu novamente o Claret Jug em 2005, também em St Andrews, e em 2006, no Royal Liverpool Golf Club. Em 2019, aos 43 anos, teve um dos retornos mais memoráveis da história do golfe, ao conquistar seu quinto título no Masters e seu primeiro Major em um período de 11 anos.

DAY-DATE 40

Disponível unicamente em ouro 18 quilates ou platina, o Day-Date foi o primeiro relógio de pulso a indicar a data e o dia da semana por extenso em uma abertura no mostrador. Sua precisão, confiabilidade e presença excepcionais o transformaram no relógio que denota prestígio por excelência. Equipado com a pulseira Presidente, originalmente criada para ele, o Day-Date continua a ser o relógio dos líderes. A exemplo dos golfistas de elite que competem no Open, o Day-Date é líder no setor da alta relojoaria.

The Open